Foi divulgado o Top 20 dos atletas que mais fazem caridade! É impressionante a posição do Ronaldo!

É impressionante sem dúvida a posição de Cristiano Ronaldo no Top 20 dos atletas que mais fazem caridade.

O atual melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo é também o melhor atleta do mundo fora dos relvados quando o assunto é ajudar. O português aparece em primeiro lugar de uma lista que aponta os 20 atletas que mais se envolveram em causas beneficentes no último ano.

Confira a lista completa:

  • 1- Cristiano Ronaldo – Futebol
  • 2- John Cena – WWE
  • 3- Serena Williams – tênis
  • 4- Yuna Kim – patins
  • 5- Neymar – Futebol
  • 6- LeBron James – basquete
  • 7- Heather O’Reilly – Futebol
  • 8- Maria Sharapova – tênis
  • 9- Mo’ne Davis – beisebol
  • 10 – Richard Sherman – Futebol americano
  • 11- Charlie White e Meryl Davis – patins
  • 12- Dan Carter – rúgbi
  • 13- Roman Reigns – WWE
  • 14- Ronda Rousey – MMA
  • 15- Lindsey Vonn – Ski
  • 16- Tom Daley – Saltos ornamentais
  • 17- Bethany Hamilton – surf
  • 18- Saina Nehwal – badminton
  • 19- Paul Rabil – lacrosse
  • 20- Shahid Afridi – críquete

PARTILHE este orgulho português!

Fonte: coisasdavida.pt (sigam)

Agnes Arabela publica foto “Quem quer apagar o meu fogo?” e volta a dar polémica com insultos à mistura

Parece que a “novela” Agnes Arabela vs bombeiros ainda não acabou…

Agnes partilhou uma fotografia com um extintor na mãe com a descrição “Quem quer apagar o meu fogo?”

Os internautas não reagiram bem a esta fotografia e começaram os comentários… onde começaram a criticar Agnes… e ela não se deixou ficar, respondeu a alguns comentários (ver abaixo):

E a novela continua… Agnes Arabela anuncia que vai processar mais de 2000 pessoas

No seguimento da “novela” Agnes Arabela vs Bombeiros, onde já pudemos ler de tudo (ver resposta de bombeiro aqui) e mais tarde a resposta de Arabela (ver aqui), agora a mesma anuncia de que “já foram tomadas providências legais…” “Já foram assinalados mais de 2000 perfis”.

O anúncio de processar estas pessoas por “calúnia e difamação, crimes de ódio, racismo e xenofobia” foi anunciado pela própria esta terça feira, no seu Facebook.

O comunicado pode ser lido na íntegra abaixo:

Ronaldo confirma que foi pai e deixa selecção para conhecer os filhos

É a confirmação oficial de que Cristiano Ronaldo foi mesmo pai de gémeos. Depois de semanas de especulação, a confirmação da notícia foi feita quase em simultâneo num post do jogador do Facebook e num comunicado da Federação Portuguesa de Futebol em que é anunciada a dispensa do avançado do Real Madrid do jogo de atribuição dos 3.º e 4.º lugares da Taça das Confederações, agendado para domingo.

“O presidente da FPF [Federação Portuguesa de Futebol] e o seleccionador nacional foram informados antes da Taça das Confederações pelo capitão da selecção nacional, Cristiano Ronaldo, que este tinha sido pai”, diz um comunicado da FPF, publicado na madrugada desta quinta-feira.

“O atleta, apesar do nascimento dos filhos, fez questão de ficar ao serviço da selecção nacional, num gesto que devemos sublinhar e enaltecer. O presidente da FPF e o seleccionador nacional entendem que, na impossibilidade de chegar ao objectivo de vencer a Taça das Confederações, devem libertar o atleta para que este possa, finalmente, ir conhecer os seus filhos”, diz o mesmo comunicado da FPF, publicado após a derrota com o Chile no desempate por penáltis.

Quase em simultâneo, Ronaldo publicou uma mensagem no Facebook, em que lamenta que a selecção não tenha conseguido “alcançar o principal objectivo” na disputa da Taça das Confederações, afirmando que esteve ao serviço da selecção “de corpo e alma”, mesmo sabendo que os seus dois filhos tinham nascido.

“O presidente da Federação Portuguesa de Futebol e o seleccionador nacional tiveram hoje uma atitude que me sensibilizou e que não esquecerei”, escreveu Cristiano Ronaldo numa publicação no Facebook. “Estou muito feliz por poder, finalmente, estar com os meus filhos pela primeira vez”, concluiu.

Depois de muita especulação, estas são as primeiras confirmações oficiais de que o jogador português foi pai de duas crianças.

Fonte: Público