David Carreira ameaça irmã em direto

Tudo não passou de uma brincadeira! Sara Carreira fez este sábado, dia 2, um direto na página oficial de instagram, quando o irmão, David, começou a fazer vários comentários a brincar com a irmã: «Pronto para sacar a pistola?», começou o cantor.

Sara Carreira continuou a falar com os fãs e o jovem continua: «Estou aqui a apontar os nomes de todos os gajos que se metem contigo».

Veja aqui os momentos em que David Carreira brincou com a irmã:

Sara Carreira segue as pisadas do pai

Já dizia o ditado português que «quem sai aos seus, não degenera». Depois de Mickael e David, é a vez de Sara Carreira mostrar o que vale no mundo da música. Aos 18 anos, a filha mais nova de Tony Carreira prepara-se para lançar as primeiras músicas, cantadas em português. Foi num direto feito nas redes sociais que a jovem revelou que o primeiro tema ia ser desvendado em breve.

Com o apoio da melhor amiga Bárbara Bandeira, também ela cantora, Sara Carreira tem-se mostrado muito entusiasmada com este novo projeto.

No início do mês de novembro, a irmã dos cantores Carreira partilhou uma imagem no Instagram, onde surge a tocar uma viola.

«Sessões de escrita», escreveu a jovem na altura.

Vem, que eu te explico porque estou solteira!

Primeiro tira da sua cabeça essa ideia vazia de achar que estou infeliz. Depois se despeça desse discurso de que quem muito escolhe acaba sendo escolhido. Quer saber porque estou solteira? Bom… Não quero embarcar em uma viagem com alguém carregando as bagagens do passado, não quero conhecer outro mundo se ainda não consegui conhecer o meu.

Não quero machucar o coração de ninguém com as minhas incertezas, não quero falar do passado, nem lembrar dele. Não estou machucada, não estou magoada, só que de tanta coisa que acontece na vida da gente, chega uma hora que cansa entende? Não estou numa fase de sair “tentando” dar certo, quero que dê certo sem ficar perdendo tempo com alguém que não perde um segundo para me ligar e saber como estou.

Não quero investir meu tempo com alguém que não investe o seu em mim, que não se importa e que só machuca. Entende? Eu tô feliz assim, para que me decepcionar mais uma vez? E se eu quiser terminar de ver a minha lista de series? E se eu quiser viajar conhecer o mundo, aprender um novo idioma, conhecer novas pessoas, outros lugares…

Na verdade é isso que eu quero. Na verdade eu estou solteira porque eu quero mais… Eu quero alguém que não me prive de viver, que divida suas dores, que me veja como abrigo e que me acolha com um abraço quando eu não estiver bem. Na verdade quero alguém que aumente minha lista de séries com suas dicas e que fique comigo em um sábado à noite, final de mês, quando a grana está curta e eu não to afim de sair. Eu quero alguém que não tenha vergonha de me assumir para os amigos e que não tenha medo de compromisso.

Não estou esperando o príncipe encantado – eu sei que é isso que você pensa- e daí se ele não abrir a porta do carro para mim e não vir em um cavalo branco? (risos)

E daí se ele não pagar a conta do jantar sempre que sairmos e querer ver um filme em casa porque está sem dinheiro para sair? Eu sinceramente não estou esperando por isso. Não estou esperando alguém para pagar a conta, não estou procurando alguém para me levar para sair todo dia, me levar de carro para todo lugar e que sempre me dê presentes.

Não quero jóias, roupas caras, perfumes caros, jantares caros, carro luxuoso. Não é isso que procuro em alguém, até porque se para você essa é a concepção de homem perfeito (rico) se isso é o que caracteriza um príncipe, eu definitivamente prefiro sapos.

Quero alguém que eu diga: Vamos? – vamos!
Quero mais… Muito mais. Quero alguém que me inclua nos seus planos, que me irrite na mesma proporção que desperta o meu amor. Que seja inteiro, intenso não precisa ser perfeito. Quero alguém para tomar um sorvete em um domingo a tarde e depois ver um filme para não deixar o dia tão tedioso. Alguém que me respeite e respeite os outros. Alias respeito é algo fundamental. Pode me buscar de bicicleta eu não ligo, pode rachar a conta comigo eu não me importo. Pode escolher o filme e eu vou adorar.

Eu tô solteira porque relacionamento não é tentativa, não é oportunidade é investimento. Investimento de tempo. Eu tô solteira porque talvez eu queira curtir essa fase sem ninguém, quero organizar a minha vida refazer meus planos. Eu tô solteira porque estou bem assim, porque não quero alguém pra diminuir, quero alguém que venha para somar.

Então para com esse discurso chato de que preciso de alguém, para de me perguntar “Nossa, mas você é tão bonita e tá sem ninguém?” para de querer me empurrar pra alguém, ficar passando meu telefone e querer dar uma de cupido, isso é extremamente chato, acredite. Quando eu tiver interesse eu vou atrás fique tranqüilo, pouco me importa se você acha isso inadequado para uma garota. Pode deixar que quando acontecer eu vou saber o que fazer, não precisa ficar me perguntando quando vou assumir ou trocar o status do facebook. Isso não lhe diz respeito. Eu tô solteira porque sim, porque quero, porque estou bem assim.

Eu tô solteira porque chega uma hora que você cansa de acreditar, cansa de criar feridas e de se recompor. Estou solteira porque as vezes a gente precisa de um tempo só nosso e de não ter ninguém ocupando o nosso pensamento, travando o nosso tempo.

Se for para namorar e só brigar, viver chorando, se magoando, se for para namorar para trair, para sofrer, para não ter respeito eu prefiro estar solteira. Se for para namorar para escrever textão no facebook mas na verdade viver uma mentira, eu prefiro estar solteira. Se for para namorar para ter alguém pela metade eu prefiro estar solteira. Se for para namorar para deixar de ser quem sou, ter que mudar meu jeito, meus gostos e não ter meus defeitos aceites eu prefiro ficar solteira.

Eu estou solteira porque mereço muito e quero muito. Estou solteira porque não quero alguém que faça do meu passado um presente e dos meus erros um açoite. Não, eu não quero qualquer coisa, qualquer pessoa, qualquer sentimento, qualquer história, qualquer frio na barriga… Eu estou solteira porque não quero ninguém do meu lado pela metade, sou inteira demais para isso. E para finalizar, eu não estou escolhendo eu estou esperando. Esperando o tempo de Deus para mim.

(Fonte: Thamilly Rozendo)

fonte

Não me digas que não tens tempo, diz-me que as tuas prioridades são outras

Se alguém quiser, arrumará tempo para estar contigo. Se alguém diz que não tem tempo é porque na verdade não quer ou porque tem outras prioridades. Não permitas que te mintam ou te enganem. Qualquer pessoa conseguirá sempre reservar um espaço para alguém que tem vontade de ver, com quem tem vontade de estar ou com quem se preocupa: é assim que funciona o carinho e o amor.

A atenção nunca deve ser mendigada. Querer é poder, e se alguém quiser mesmo estar contigo, conseguirá estar. A vida é um acumular de prioridades e de segundas opções. Quando classificamos mentalmente as nossas relações em prioridades ou opções, o que fazemos na verdade é nos orientarmos em função do valor que damos a certas pessoas.

Portanto, mantém a tua atenção e, se tu perceberes que alguém não te está a valorizar como tu mereces, não peças: mendigar atenção é uma coisa que certamente ninguém merece ter que fazer.

Se tu estás nesta situação, onde sentes que dás 100% de ti por algo que deve ser recíproco e não é, talvez seja o momento de enxergar que por trás da falta de tempo existem desculpas inventadas e pouco interesse.

Costuma ser doloroso e decepcionante, mas é mais saudável a longo prazo solucionar esse desequilíbrio do que continuar mantendo-o: no fim das contas, a união de duas pessoas é algo no qual dar é gratificante mas receber também é necessário.

Para além disso, se alguém que tu incluis nas tuas prioridades sem sequer duvidares, começou a deixar-te de lado, pode ser que algo tenha acontecido mas também pode ser falta de interesse daquela pessoa: lembra-te que gostar de alguém não tem calendário.

Aprendi que quem não procura não sente saudade, e quem não sente saudade não gosta de ti. Aprendi que a vida decide quem entra na tua vida, mas tu decides quem fica. Aprendi que a verdade dói uma vez só e a mentira dói para sempre. Por isso valoriza aqueles que te valorizam, e não trates como prioridade quem te trata como uma opção.

Se alguém te quer ter na sua vida, essa mesma pessoa encontrará um lugar para ti sem ser necessário que tu lutes por isso.

Tu também tens liberdade de escolha. Escolhe bem quem tu queres na tua vida e, quando o fizeres, é provável que o melhor seja pensares também em quem te escolheu para fazeres parte da sua própria vida: valoriza quem demonstra que quer estar ao teu lado.

(Texto de Cristina Trilce)
Fonte

Maria Leal tira a roupa toda em novo videoclipe (fotografias e vídeo)

Maria Leal volta a surpreender, em novo videoclip onde tira a roupa toda… fica só mesmo a lingerie! Sem pudores, eis a noticia da TV Mais:

“Quando se pensa que não há nada mais para inventar, a artista surpreende num registo ousado, com cenas na cama, para promover o seu mais recente tema, “Curtir a Noite”

Após somar sucessos musicais durante o ano de 2016 e 2017, Maria Leal volta a surpreender com o lançamento de um novo tema, “Curtir a Noite”, prometendo continuar a dar que falar. No mesmo registo a que já nos habituou, desta vez a artista optou por fazer um videoclipe que ilustrasse explicitamente a letra da canção e o resultado foi surpreendente. Para tal, convidou Pedro Martins, comissário de bordo de uma companhia aérea, que também é ator e modelo e que, em 2001, participou no primeiro reality show da SIC, “Acorrentados”, além de fazer anúncios publicitários. Neste teledisco, foi o galã que se deixou seduzir. “Conheço o Pedro desde agosto e foi com todo o gosto que o convidei para participar no videoclipe”, contou Maria Leal à TvMais.

A história retrata um casal que teve um sonho em comum. “Sonhei que o Pedro tinha ido a um concerto meu na noite e, quando acordámos, percebemos que foi apenas uma ilusão”, resumiu a protagonista, que até se despiu para dar mais credibilidade às cenas. Para ela, “estar seminua não atrapalhou nada”: “Já não tenho idade para ter vergonha. O Pedro é apenas um amigo e nada mais”. Com beijos entre lençóis, nus parciais e apertões, Maria Leal promete criar polémica com o novo trabalho.

Apesar da ousadia, Pedro garantiu que “foi um gosto poder participar neste vídeo”. E, sem receios, conclui: “Não temo que as pessoas me possam apontar o dedo por ter feito isto com a Maria Leal. Conheço-a bem e sei que é uma excelente pessoa”.”

Este é o novo hit “Curtir a noite”

Fonte / Fotos: TVMais